NOTÍCIAS
04/09/2017 | 12h21

Lançamentos

Ford Ranger 2018 recebe duas novas versões

Destaque vai para Sportrac, com detalhes exclusivos, câmbio automático e 4x4


REDAÇÃO AB

Sportac recebe acabamento diferenciado, adesivos laterais e tem preço sugerido de R$ 162.990
A Ford lança a linha 2018 da picape Ranger com duas novas opções. O destaque é a versão Sportrac, que utiliza como base a XLS 2.2 diesel, mas recebe câmbio automático e tração 4x4. O preço sugerido é de R$ 162.990. A nova opção traz para-choque dianteiro diferenciado, vem com adesivos nas laterais, santantônio e estribos pintados de cinza. Na cabine, a assinatura Sportrac está gravada nas soleiras e bordada nos apoios de cabeça dianteiros. São quatro as cores disponíveis: branca, prata, preta e vermelha.

Outra nova versão na linha 2018 é XLS 2.2 a diesel com câmbio manual e tração 4x2. O preço sugerido é de R$ 136.850. Segundo a Ford, toda a linha 2018 da picape passa a ter de série sensor de estacionamento e câmera de ré. As versões XLT e Limited trazem central multimídia Sync 3 com tela de oito polegadas e comandos de voz para telefone, navegador, áudio e ar-condicionado. É compatível com Android Auto e Apple Car Play.

A Ranger é equipada em todas as versões com sete airbags, controles eletrônicos de estabilidade, de tração e anticapotagem, assistente de partida em rampa, controle adaptativo de carga, direção elétrica, ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores com acionamento elétrico, computador de bordo, piloto automático e faróis de neblina.

Além das novas versões Sportrac e XLS 4x2, a picape XLS 2.2 diesel continua a oferecer as opções 4x4 manual, por R$ 148.850, e 4x4 automática, por R$ 156,7 mil. A Ranger 3.2 diesel XLT, com tração 4x4 e transmissão automática, agora traz central multimídia Sync 3, rodas de liga leve de 18 polegadas, pneus de uso misto e capota marítima, por R$ 174.990.

Recebe também bancos e volante de couro, ar-condicionado automático digital com duas zonas distintas de temperatura e monitoramento de pressão dos pneus. O santantônio agora é opcional.

A topo de linha 3.2 diesel 4x4 Limited tem tabela de R$ 188.890. Traz piloto automático adaptativo, alerta de permanência na faixa de rodagem, farol alto automático, banco do motorista com ajuste elétrico em oito posições e iluminação interna que permite a escolha de uma entre sete cores possíveis.

As mesmas novidades são oferecidas nas três versões da Ranger 2018 com motor 2.5 Flex: XLS, XLT e Limited. A XLS, com sensor de estacionamento e câmera de ré, custa R$ 106.990. A XLT, com Sync 3, rodas de liga leve de 18 polegadas, pneus de uso misto e capota marítima, custa R$ 118.420. A Limited, com Sync 3, sai por R$ 126.490.

Comentários: 0
 

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:

QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 12/09/2017
Ajustes com Argentina pode elevar competitividade

Esta coluna é apoiada por:

Documento sem título
Advertisement Advertisement Advertisement Advertisement
DE CARRO POR AÍ | 15/09/2017
É elétrico e virá em veículo autônomo
AUTOINFORME | 15/09/2017
Loja da Peugeot foi instalada em uma cabine telefônica
INOVAÇÃO | 15/08/2017
Indústria automotiva precisa abrir os olhos para novas formas de trabalhar
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
Negócios | 08/03/2017
Tecnologia faz parte da receita para sair da crise
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes